ANÁLISE DA QUALIDADE DE VIDA EM PACIENTES COM FIBROSE CÍSTICA

Yasmim Queiroz Santos, Kássia Roberta Xavier da Silva, Yanna Jaia Soares Macêdo, Lucieli Boschetti Vinhal, Flávio Monteiro Ayres

Resumo


Avaliar a qualidade de vida (QV) de crianças, adolescentes e adultos jovens com fibrose cística (FC) atendidos no ambulatório do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Goiás assim como de pais/responsáveis. Materiais e métodos: Trata-se de um estudo observacional e transversal. Para avaliar a QV, o questionário Cystic Fibrosis Questionnaire Revised (CFQ-R). Amostra composta por 18 sujeitos divididos em quatro grupos. Resultados: Diferenças estatisticamente significantes foram observadas entre os grupos A (6 aos 11 anos), C (mais de 14 anos) e D (pais) quanto aos domínios “Emocional” e “Alimentação”, “Sintomas Respiratórios” dos indivíduos com FC e QV Geral (p=0,021, p=0,010, p=0,001 e p=0,032 respectivamente). Conclusão: A QV Geral em todos os grupos foi classificada como boa. Houve diferenças entre a percepção dos indivíduos com FC e de seus pais/cuidadores, evidenciando a sobrecarga sofrida pelos pais.

Palavras-chave


Muco; Questionário; Criança; Adolescente; Cuidadores.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2447-8687