Analisando o processo de inclusão no contexto da ginástica

  • Amanda do Santos Costa Universidade Estadual de Goiás- Campus ESEFFEGO (UEG).
  • Daniel Monteiro do Carmo Braga Universidade Estadual de Goiás- Campus ESEFFEGO (UEG).
  • Moisés Mikhail Dias Universidade Estadual de Goiás- Campus ESEFFEGO (UEG).
  • Nátally Cristiny Rodrigues Tôledo Universidade Estadual de Goiás- Campus ESEFFEGO (UEG).
  • Silas Alberto Garcia Universidade Estadual de Goiás- Campus ESEFFEGO (UEG).

Referências

DE SOUZA, C. et al. Ginástica Artística para crianças. Relato de Experiência. Revista Digital- Buenos Aires, Março 2006. Disponivel em: <http://esportes.universoef.com.br/container/gerenciador_de_arquivos/arquivos/321/ginastica-artistica-para-criancas.pdf>. Acesso em: 4 Setembro 2017.

MORAES, J. F. D. et al. GINÁSTICA RÍTMICA ADAPTADA. 7º Simpósio de Ensino de Graduação, 2009. Disponivel em: <http://www.unimep.br/phpg/mostraacademica/anais/7mostra/4/96.pdf>. Acesso em: 4 Setembro 2017.

LEITE, E. D. A. A TRAJETÓRIA DA GINÁSTICA RÍTMICA ESPECIAL NO BRASIL, Campinas, 2008. Disponivel em: <http://www.ginasticas.com.br/conteudo/gimnica/gin_ritmica/ginasticas_com_gimnica_ginastica_ritmica_trajetoria_gr_especial_brasil.pdf>. Acesso em: 29 Setembro 2017.

Publicado
2017-12-18
Seção
Resumos Expandidos