A cidadania e a instituição escolar

  • Jorge Sergio Pérez Gallardo Livre Docente Faculdade de Educação Física da UNICAMP.

Referências

ADAMS, J.A. (1971) Aclosed-loop theory of motor learning. Journal of Motor Behavior 3: 11-150.

ATTENBOROUGH, David (1991). Os Desafios da Vida. Editora Gradiva. Lisboa.

AYOUB, E.; SOUZA, E.; GALLARDO, J. P. (1997) Coletânea: textos e sínteses do I e do II Encontro de Ginástica Geral. Campinas, Gráfica Central – Unicamp, 1997. p.25-32.

BERNSTEIN, Basil. (1998). Pedagogia, controle simbólico e identidade. Madrid: Morata.

BERNSTEIN, Basil. (1988). Poder, Educación y Conciencia: sociología de la transmisión cultural. Santiago, CIDE Ediciones.

BLOOM, B. S. et al. (1956) Taxonomy of Educational Objectives. Handbook I: Cognitive Domain. Nova Iorque: McKay.

BOBBIT, F. J. (1918). The Curriculum. Houghton Mifflin Company. New York.

BORDIEU, P. (1990). Sociología y cultura (Trad. M. Pou). México: Grijalbo.

BOWER, T. (1977). The perceptual World of the Chid. Cambridge: Harvard University Press.

BRASIL. (1998). Parâmetros Curriculares Nacionais: Terceiro e Quarto Ciclos do Ensino Fundamental: Educação Física. Ministério da Educação e Desporto. Secretaria da Educação Fundamental Brasília. MEC/SEF.

BRASIL. (2008). Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Ensino. Parâmetros Curriculares Nacionais. Brasília: MEC/SEF.

CANDAU, V. M. (2008). Multiculturalismo e educação: desafios para a prática pedagógica. In MOREIRA, A. F; CANDAU, V. M. (Org.) Multiculturalismo: diferenças culturais e práticas pedagógicas. Petrópolis: Vozes, Brasil.

CASTELLANI FILHO, L. (1988) Educação Física no Brasil: A história que não se conta. Campinas: Papirus.

CLARK, J.E. & WHITALL, J. (1989) What is motor development? The lesson of history. Quest, (41): 183-202.

CLARK, J.E. (1993) Motor development. Encyclopedia of human behavior, 1-4: M20-1, M20-11.

COFRÉ, MILTON (1989). Historia del Deporte y la Educación Física en Chile. Editorial H. Ueberhoret, ed Geschichte der Leibesubungen, vol. 6 921-951 Berlín.

COLETIVO DE AUTORES (1992). Metodologia do Ensino de Educação Física. São Paulo: Cortez.

CONNOLLY, K.J. (Ed). (1970). Mechanisms of motor skill development. New York: Academic Press.

CONNOLLY, W. (1977) Skill developmente: problems and plans. In K. Connolly (Ed.). Mechanisms of motor skill development. London: Academic Press.

CORIAT, L. F. (1977). Maturação Psicomotora no primeiro ano de vida da criança. São Paulo: Editora CORTEZ-MORAIS.

CRATTY, B. J. (1982) Desarrollo perceptual y motor en los niños. Buenos Aires: Editora Paidós

ESEVERRI M. Cecilia (2007) La “revuelta urbana” de los hijos de los inmigrantes en Francia. In BOLETIN INTERNACIONAL, vol. 9, núm. 33. Universidad Complutense de Madrid.

FITTS, P.M. (1964) Perceptual-motor skill learning. In A.W. Melton (Ed.) Categories of human learning. New York: Academic Press.

FITTS, P.M. & POSNER, M.I. (1967) Human performance. California: Brooks/Cole.

FREITAS, R. W. J. F. de; VILAR, A. R.; SILVA, A. R. V. da; ARAÚJO, M. F. M. de; MARINHO, N. B. P.; DAMASCENO, M. M. C.; OLIVEIRA, M. R. de. (2010) Prática de atividade física por adolescentes de Fortaleza, CE, Brasil. Rev. Brasileira de Enfermagem, v. 63, n 3, p. 410-415.

GALLAHUE, D. (1989). Understanding motor development: infants, children, adolescents. 2. Ed. Indiana: Benchmark Press.

GEERTZ, Clifford (1966): Religion as a Cultural System. In M. Banton (ed.). Anthropological Approach to the study of Religion. London Tavistock. Pp. 1-44.

GEERTZ, Clifford. (1973) The Interpretation of Cultures. Selected Essays by Clifford Geertz Basic Books, Inc., Publishers NEW YORK.

GENTILE, A. (1972) A working model of skills acquisition with application to teaching. Quest monograph: XVII: 3-23.

GESELL, A. (1929). Maturation and infant behavior pattern. Psychological Review, 36: 307-319.

GIDDENS, Anthony (1989): Sociology. Introductory reading. Publisher: Polity Press.

GIMENO SACRISTÁN, J. (1998). O currículo: uma reflexão sobre a prática. Porto Alegre: Artes Médicas.

GIMENO SACRISTÁN, J. y PÉREZ GÓMEZ, A. (1998). Compreender e transformar o ensino. Porto Alegre: Artes Médicas.

GODBOUT, P. (1984). La medición y evaluación en Educación Física y Deportiva. Conferencia de los Ministros de la Juventud y de los Deportes de los países de habla francesa. Québec.

GONZÁLEZ, F. J. y FENSTERSEIFER, P. E. (Org.) (2005). DICCIONARIO crítico de Educação Física. Editora UNIJUÍ, Brasil.

GOODENOUGH, Ward H. (1957): Cultural Anthropology and Linguistics. In Language in Culture and Society. Harper and Row, New York 1964: 36 – 39.

GRAHAM, G. et al. (1980) Children moving: a reflexive approach to reaching Physical Education. California: Mayfield Publishing Company.

HARROW, A.J. (1983) Taxonomia do domínio psicomotor. Porto Alegre: Globo.

HARRIS, Marvin (1981): El materialismo cultural. Madrid: Alianza.

HALL, S. A. (2003) Da Diáspora. Identidade e mediações culturais. Belo Horizonte: UFMG Brasília: Representação da UNESCO no Brasil.

HAYWOOD, K.M. (1986) Life span motor development. Illinois: Human Kinetics Books,

HEBB, D. O. (1949) The organization of behavior. Nova York: John Wiley & Sons.

HERSKOVITS, Melville Jean (1948): Man and his Works. The science as cultural Anthropology. New York. Knops.

KEOGH, J.F. (1977) The study of movement skill development. Quest, 28: 76-88, 1977.

KLUCKHOHN, Clyde (1943): Culture. A Critical Review of Concepts and definitions.

Volume 45, Issue 2.

KOESTLER, A. O fantasma da máquina. Rio de Janeiro: Zahar, 1969.

KROEBER, Alfred and KLUCKHOHN, Clyde (1952): Culture. A critical Review of Concepts and Definitions. Cambridge.

LANGLADE, Alberto y De LANGLADE, Nelly Rey (1970). Teoría General de la Gimnasia. Editorial Stadium. Buenos Aires, Argentina.

LEACH, Edmund Ronald (1970). Genesis as Myth. Penguin Books.

LEVI- STRAUSS, Claude (1958): Antropología estructural. Paris. Plom.

LINTON, Ralph (1940): “A neglected aspect of social organization.” American Journal of Sociology 45, No. 6: 870-86

LUMSDEN, Charles T. y WILSON, Edgard O. (1981) Genes, Mind and Culture. The Co-Evolutionary Process. Harvard University Press.

MACHADO DE SOUZA, E. y PÉREZ GALLARDO, J. (1996). “A Educação Física Escolar e o paradigma Socialização/Sociabilização”. V Simpósio Minero de Ciências do Movimento. Muzambinho – MG, Brasil. Novembro.

MAGILL, R. (1984) Aprendizagem motora: conceitos e aplicações. São Paulo: Edgard Blucher Ltda.

MAIER, Richard (2001). Comportamiento Animal: un enfoque evolutivo y ecológico. Editora McGraw-Hill Interamericana. España.

MALINOWSKI, Bronislaw (1975) [1931] “La cultura”, a KAHN, J.S. (comp.): El concepto de cultura: textos fundamentales, p. 85-127. Barcelona, Anagrama.

MANOEL, E.J. (1988) Desenvolvimento do comportamento motor humano: uma abordagem sistêmica. Dissertação de Mestrado. São Paulo: Escola de Educação Física da USP.

MARTENIUK, R.G. (1976) Information processing in motor skill. New York: Holt, Rinehart & Winston.

MATURANA, H. y VARELA, F. G. (1994). El árbol del conocimiento: las bases biológicas del entendimiento humano. Editorial Universitaria, Santiago, Chile.

MATURANA, Humberto, REZEPKA, Sima Nisis de. (1995). Formación humana y capacitación. Chile: UNICEF-CHILE/Dolmen Ediciones.

MEDINA, J.P.S. (1983) A Educação Física cuida do corpo... e “mente”. Campinas: Papirus.

MELCHERST HURTADO. J. (1988). Educação Física Pré-escolar e Escolar 1ª à 4ª série: uma abordagem psicomotora. Editora Prodil. Brasil

MERCADO, HERNÁN (2007) La Mujer y el Deporte en Chile: una perspectiva de género. Ediciones Universidad de la Frontera, Temuco, Chile.

MOREIRA, A. F. e SILVA, T. T. da (Orgs.) (1995). Currículo, cultura e sociedade. 2. Ed. São Paulo: Cortez.

MORRIS, Desmond (1991). El Arte de Observar el Comportamiento Animal. Editoral Plaza & Janés Editores S. A. Barcelona.

MOSTERIN, Jesús:(1993). Filosofía de la cultura. Alianza Universidad. Madrid.

MUÑOZ PALAFOX, G. H. (2001). Intervenção político-pedagógica: a necessidade do planejamento de currículo e da formação continuada para a transformação da prática educativa. Programa de Pós-Graduação em Educação. São Paulo: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (Tese de Doutorado em Educação).

NEIRA, M. G. e NUNES, M. L. F. (2006) Pedagogía da cultura corporal: críticas e alternativas. Phorte Editora. São Paulo.

OLIVA, ARAVENA, C. (1994). Influencia de la ubicación del evaluador en el análisis cualitativo de habilidades técnicas específicas del Basquetbol. Revista Ciencias de la Actividad Física 2 (4), 27 – 38.

PAYNE, V.G. & ISAACS, L.D. (1987) Human motor development: a life span approach. Califórnia: Mayfield Publishing Company Montain View.

PÉREZ GALLARDO, JORGE. (1987). “Preparação profissional em Educação Física: um estudo dos currículos das Escolas de Educação Física do Estado de São Paulo e sua relação com a Educação Física na Pré-escola e quatro primeiras séries do Ensino de Primeiro Grau”. Dissertação de Mestrado apresentado na Escola de Educação Física da Universidade de São Paulo, sob a orientação do Prof. Dr. Go Tani. Financiada pelo CNPq. Início: 1986. Defesa: 1988. São Paulo-Brasil. (Dissertação de Mestrado).

PÉREZ GALLARDO, JORGE. (1997. p. 22). Educação Física: contribuição a Formação Profissional. Editora UNIJUÍ. Brasil

PEREZ GALLARDO, Jorge y PAOLIELLO, Elizabeth. (1998, p. 608). "Critérios de avaliação de Composições Coreográficas desenvolvidas em cursos de Ginástica Geral da Faculdade de Educação Física da Unicamp - Brasil". I Congresso Latino Americano de Educação Motora y II Congresso Brasileiro de Educação Motora, Foz do Iguaçu - PR, Brasil, outubro.

PÉREZ GALLARDO, JORGE (2002) “Discussões preliminares sobre os objetivos de Formação Humana e de Capacitação para a Educação Física Escolar, do Berçário até a quarta série do Ensino Fundamental”. Tese de Livre Docência apresentada na Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas, Campinas – SP. Defesa: 25 de junho de 2002. (Tese de Livre Docência).

PÉREZ GALLARDO, JORGE (2005) “Repensando la Evaluación del Desarrollo Motor en La Escuela. Espacio con Expertos - Planificación y Educación Física Escolar”. PÉREZ GALLARDO, Jorge Sergio (presentador del Trabajo); Congreso Sudamericano FIEP - 2005, 10ª Jornada de Educación Física del Mercosur - Córdoba Fitness FIEP., (09/07/2005 a 13/07/2005), Córdoba, ARGENTINA, Oral:

PÉREZ GALLARDO, JORGE (2005) Verbete: Ginástica. In Dicionário crítico de Educação Física. Editora UNIJUÍ.

PÉREZ GALLARDO, JORGE y OLIVA ARAVENA, CESAR (1995) “Educación Física: una perspectiva en la atención del Pre-escolar”. Revista de Ciencias de la Actividad Física. Valparaíso, Chile.

PÉREZ GALLARDO, JORGE y GARAGNANI, LICIA (2005) “Educação Infantil e um pouco de história” In. Educação Física Escolar: do berçário ao ensino médio. Editora Lucerna. Rio de Janeiro.

PÉREZ GALLARDO, JORGE; SILVA CAMPOS, LUIS ANTÓNIO; CALDAS EHRENBERG, MONICA; FRANCO BUENO, THAIS (2005). “Educação Física Escolar: Ensino Fundamental” In. Educação Física Escolar: do berçário ao ensino médio. Editora Lucerna. Rio de Janeiro.

PÉREZ GALLARDO, JORGE; SCHÖNARDIE FILHO, LEOPOLDO; CHAUVET BECHARA, EVALDO; LINZMAYER GUTIERREZ; LUIS ALBERTO; SANIOTO, HENRIQUE (2005). “Educação Física Escolar: Ensino Médio” In. Educação Física Escolar: do berçário ao ensino médio. Editora Lucerna. Rio de Janeiro.

PÉREZ GALLARDO, JORGE (2016). Experiencia en la Implantación de la Propuesta Multicultural en la Escuela. Conferencia Magistral presentada por el autor, como convidado especial al 110° aniversario de la creación el Instituto de Educación Física “Romero Brest” Buenos Aires, Argentina, noviembre.

PETERSEN, R.; SANTOS, L.C. & REGHELIN, C. A (1991) Contribuição das Pesquisas em Aprendizagem Motora para o Ensino da Educação Física. In: J. BENTO & A. MARQUES (Eds.).

RADCLIFFE-BROWN, A. R. (1943) (1986): El concepto de función en la ciencia social [1935], 203-13, y Sobre la estructura social [1940], 215-32. In Estructura y función en la sociedad primitiva. Barcelona: Península.

RAPAILLE, Clotaire (2007). O código cultural. Rio de Janeiro: Editora Campus.

SALAZAR, GABRIEL; PINTO, JULIO (2002) Historia Contemporánea de Chile V: Niñez y juventud. LOM Ediciones, Santiago, Chile.

SALAZAR, GABRIEL (2006) Ser niño “huacho” en la historia de Chile (siglo XIX). LOM Ediciones, Santiago, Chile.

SAVIANI, D. (1998). Saber escolar, currículo e didática: problemas da unidade conteúdo/método no processo pedagógico. Campinas: Autores Associados.

SBORQUIA, Silvia P. e PEREZ GALLARDO. J. (2006) “A Dança no contexto da Educação Física”. Editora UNIJUÍ. Ijuí - Rio Grande do Sul, 2006.

SCHÖNARDIE FILHO, Leopoldo y PÉREZ GALLARDO, J. (1999). Educação Física no Ensino Médio: uma proposta por compromisso. Editora UNIJUÍ, Brasil.

SCHMIDT, R.A. (1991). Motor Control and Learninig: a behavioral emphasis. Champaing: Human Kineties Publischer Inc.

SEAMAN, J. A. y DePAUW, K. P. (1982). The new adapted physical education. Palo Alto, California: Mayfield.

SILVA. T. T. da (1999). Documentos de identidade: uma introdução do currículo. Belo Horizonte: Autêntica.

SILVA. T. T. da (2000). Teoria cultural e educação: um vocabulário crítico. Belo Horizonte: Autêntica.

SINGER, R. N. (1980). Motor learning and human performance (3ª ed.). Nova York, Macmillan.

SOARES, C. (1994). Educação Física: raízes europeias e Brasil. Campinas, Autores Associados

STEWART, M. J. (1980). Fundamental locomotor skill. In: C. Corbin (Ed.). A textbook of motor development. 2. Ed. Dubuque, Iowa: Wm. C. Brown, 1980.

TANI, G. et.al. (1988) Educação Física Escolar: Fundamentos de uma abordagem desenvolvimentista. EDUSP Editora da Universidade de São Paulo, Brasil.

THEWS, Klaus (1981). ETOLOGIA: a conduta animal, um modelo para o homem? Circulo do Livro S.A. São Paulo, Brasil.

TAYLOR, F. W. (1911). The Principles of Scientific Management. Harper and Brothers Publisher. New York

VAGO, T.M. (2009). Pensar a Educação Física na Escola: para uma formação cultural da infância e da juventude. Cadernos de Formação RBCE, set. 2009, p.25-42.

WAISSBLUTH, MARIO (2010). Se acabó el recreo: la desigualdad en la educación. Editora DEBATE, Santiago, Chile.

WARD STOCKING, George (1963): Culture, and Evolution: Essays in the History of Anthropology. New York: Free Press,

WEINECK, JURGEN. (1986). Manual de treinamento esportivo. Editora Manole, San Pablo, Brasil.

WHITE, Leslie A. (1959): The evolution of Culture. New York. McGraw-Hill.

WHITING, H. T. A. (1975a). Concepts in skill learning. Londres: Lepus Books.

WILLIAMS, H. G. (1983). Perceptual and motor development. New Jersey: Prentice-Hall.

YSAYAMA, FERREIRA, Helder (1997). “Desenvolvimento Motor: análise comparativa entre pesquisa experimental e de campo”. Como requisito parcial do Curso de Posgrado da Facultad de Educación Física da Unicamp, Campinas – SP, Brasil. Inicio: Marzo de 1994. Examen de Calificación: 12 de febrero de 1996; Defensa: 07 de abril de 1997.

Publicado
2017-12-18
Seção
Trabalhos Completos