TRANSLINGUAGEM:

UMA ABORDAGEM DOS ESTUDOS EM CONTEXTO ESTRANGEIRO E BRASILEIRO E IMPLICAÇÕES PARA A EDUCAÇÃO BILÍNGUE

  • Cibele Krause-Lemke UNICENTRO - PR

Resumo

Trata-se de um projeto de pesquisa[1] que teve por objetivo desenvolver um estudo comparativo entre o que se denominam práticas translíngues (GARCÍA & WEI, 2014) em contexto estrangeiro e no Brasil. A problemática investigada levou em conta discursos e práticas que vinculam o Brasil a uma realidade monolíngue e, com isso, induza-se um apagamento das realidades multilíngues existentes em território brasileiro. Em vista disso os principais objetivos foram: i) buscar fontes bibliográficas acerca do conceito de translinguagem e definir sua abrangência e foco e ii) investigar e analisar algumas práticas linguísticas em contexto formal de ensino. O método que conduziu a pesquisa está embasado em um modelo qualitativo conforme Denzin & Lincoln (2006). Para este trabalho, a pesquisa bibliográfica guiou o levantamento de referencial teórico acerca do conceito de translinguagem, tendo como eixo condutor de análise vertentes teóricas que aliam a compreensão da linguagem como construto social e cultural. Por meio desta pesquisa foi possível analisar como o conceito de translinguagem tem sido aplicado em trabalhos publicados em diferentes contextos, bem como construir argumentos em favor de processos de educação bi/multilíngue.

 

[1] Pesquisa financiada pelo CNPq, conforme processo: 203032/2018-7

 

 

Publicado
2021-02-22