CONVERSAÇÕES SOBRE LETRAMENTO(S) NA ÁREA DE LINGUÍSTICA APLICADA

Um levantamento na Revista Bakhtiniana

  • Ana Luísa Viana Rodrigues Universidade Federal de Minas Gerais
  • Guilherme Augusto Dias Ramalho
  • Mácio Pires Cangussú Carvalho

Resumo

Resumo

Este trabalho é parte do projeto de pesquisa “Práticas de Letramentos Críticos na Formação do Professor de Inglês”, coordenado pela Profa. Anelise Scotti Scherer, o qual investiga práticas de letramentos na formação inicial e continuada de professores. Partimos dos conceitos de linguagem como prática social (HALLIDAY, 1978), aprendizagem situada (LAVE; WENGER, 1991) e de letramentos críticos (STREET, 1984), enfocando sua relação com processos de transformação social (FAIRCLOUGH, 1992). Neste recorte da pesquisa, apresentamos, sob a perspectiva da Análise Crítica de Gêneros (MEURER, 2002; BHATIA, 2004; MOTTA-ROTH, 2008), um mapeamento das concepções de letramento em artigos acadêmicos publicados em português e/ou inglês, no periódico Bakhtiniana (Qualis A1), associados à área da Linguística Aplicada (LA), entre 2015 e 2019. Como procedimentos dessa análise piloto, identificamos traços ricos de significação (BARTON, 2004) associados à concepção de letramento(s); interpretamos tais traços a partir de seu co(n)texto; e buscamos explicações na relação entre texto e contexto social mais amplo (FAIRCLOUGH, 1992). Como resultados, esperamos que esses dados nos mostrem: como o conceito de letramento está sendo abordado entre os autores dos textos, como indícios das conversações na comunidade de LA; com que temáticas ele se relaciona e em que medida ele é considerado um consenso ou uma novidade. Buscamos com esse levantamento subsidiar as próximas etapas da pesquisa, as quais envolvem entrevistas e questionários com professores pesquisadores e professores de inglês em formação inicial e continuada sobre suas práticas de letramentos. Esperamos que os resultados da pesquisa possam fomentar novas ações de pesquisa, ensino e extensão, correspondentes às atuais demandas por uma formação crítica para a cidadania, no contexto escolar, e às políticas de formação de professores e de internacionalização no contexto universitário.

Palavras-chave: Letramentos. Linguagem como prática social. Traços ricos de significação. Conversações em LA.

Publicado
2021-02-22